Esporte Nordeste

Agora

Menu

Vitória é goleado pelo Fortaleza e está fora da Copa do Nordeste

Durou pouco a alegria do torcedor do Vitória de ver o time na 2ª fase da Copa do Nordeste. O Leão perdeu nesta segunda-feira (8) para o Fortaleza por 4x0 em jogo único no Castelão e foi eliminado nas quartas de final do regional.

O Leão do Pici não tomou conhecimento do baiano. Júnior Santos fez logo dois gols no primeiro tempo, aos 26 e aos 35 minutos. Edinho fez o terceiro aos 38 do segundo tempo e Dodô fechou a goleada aos 45.

O Vitória só deu um chute a gol em todo o jogo. Foi no segundo tempo, numa cobrança de falta de muito longe de Neto Baiano, mas sem levar perigo a Marcelo Boeck.

Agora, o Vitória passará por um longo hiato até retornar a campo. O próximo jogo é somente no dia 27 de abril, contra o Botafogo-SP, às 11h, fora de casa. Será a estreia do Leão na Série B.

Deu um nó
Rogério Ceni deu o primeiro recado na escalação: pôs dois centroavantes, Júnior Santos e Wellington Paulista. Quando a bola rolou, ficou claro o que o técnico pretendia.

O Fortaleza ficou em cima do Vitória, sem deixá-lo respirar na saída de bola. Nos 45 minutos inicias foi um ataque atrás do outro, buscando sobretudo a bola aérea.

Aos 17 e 23 os cearenses deram mais dois avisos do que ia acontecer: primeiro Wellington Paulista e depois Júnior Santos cabecearam livres na área, mas sem levar real perigo ao gol de João Gabriel.

Aí, aos 26, o Leão baiano não teve nem como reclamar do que veio. Osvaldo cruzou da esquerda e Júnior Santos subiu livre para marcar. 1x0.

O segundo gol, aos 35, porém, veio com crueldade. Osvaldo avançou pela esquerda, deixou Jeferson – literalmente – no chão e rolou da linha de fundo para trás. De novo, Júnior Santos, livre. 2x0.

O Vitória não deu um chute a gol sequer no primeiro tempo. Yago, além de não ajudar na marcação, foi inoperante na criação. Ruy não apareceu no jogo. Paulo Vítor e Leo Gomes erraram repetidas vezes na saída de bola.

Esse cenário tenebroso seguiu na etapa final. A reação do Vitória foi zero. Aos 13, Osvaldo acertou a trave. Aos 20, Tinga chutou para defesa de João Gabriel.

Os gols que consagraram a superioridade do Fortaleza saíram aos 38 e aos 45. Primeiro, Edinho disparou pela esquerda e fez 3x0. Depois, Dodô cobrou falta na medida, no ângulo, para cravar a merecida goleada.

Ficha técnica:

Fortaleza: Marcelo Boeck; Tinga, Quintero, Roger Carvalho e Carlinhos; Araruna (Dodô), Felipe e Edinho; Osvaldo (Romário Souza), Júnior Santos (Marcinho) e Wellington Paulista. Técnico: Rogério Ceni.

Vitória: João Gabriel, Jeferson, Victor Ramos, Edcarlos e Fabrício; Leo Gomes e Paulo Vítor (Dudu Vieira); Yago, Ruy (Capa) e Andrigo; Léo Ceará (Neto Baiano). Técnico: Claudio Tencati.

Estádio: Arena Castelão, Fortaleza (CE)
Gols: Júnior Santos, aos 26 e aos 35 minutos do 1º tempo; Edinho, aos 38, e Dodô, aos 45 minutos do 2º tempo
Cartões amarelos: Carlinhos (Fortaleza); Jeferson (Vitória)
Cartão vermelho: Victor Ramos (Vitória)
Público e renda: Não divulgados
Árbitro: Marcelo Aparecido Ribeiro de Souza, auxiliado por Oberto da Silva Santos e Schumacher Marques Gomes (trio da Paraíba)

(correio)
Divulque
Copa Nordeste

Claudio Jesus

Esporte nordeste mostra o futebol dos times nordestino atuando nas principais competições esportivas do Brasil

Deixe sua Opinião:

0 comentários: